QUANDO OS "ANDRADES" SE CONHECERAM

Atualizado: Out 20

Foi em 21 de novembro de 1917, durante a Conferência do Secretário da Guerra Eloy Chaves, realizada no Conservatório Dramático e Musical de São Paulo.



- ASSIM DISSE OSWALD DE ANDRADE: (Em seu Livro "Um Homem sem profissão")


"... Como repórter, vou a uma festa no Conservatório Dramático e Musical. O Dr. Sorriso, que é o Elói Chaves, Secretário da Justiça, faz ali uma conferência de propaganda dos Aliados. Quem o saúda é um aluno alto, mulato, de dentuça aberta e de óculos. Chama-se Mário de Andrade. Faz um discurso que me parece assombroso. Corro ao palco para arrancar-lhe das mãos o original que publicarei no Jornal do Commércio. Um outro repórter, creio que d’O Estado, atraca-se comigo para obter as laudas. Bato-o e fico com o discurso. Mário, lisonjeado, torna-se meu amigo.


(ANDRADE, Oswald de. "Um homem sem profissão" - Memórias e confissões. Sob as ordens de mamãe. São Paulo: Globo, 2002)

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo